Saiba como divulgar sua marca na internet

A divulgação na internet deixou de ser um diferencial para se tornar algo obrigatório para as empresas que querem obter reconhecimento no mercado, captar mais clientes e aumentar as vendas.

Afinal de contas, só no Brasil, mais de 70% da população está conectada, o que equivale a 126,9 milhões de pessoas, segundo uma pesquisa realizada pela TIC Domicílios, o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Além disso, um estudo feito pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) demonstrou que 97% das pessoas buscam por informações online sobre produtos e serviços, antes de comprar em lojas físicas.

Isso sem contar quando os usuários decidem comprar pela internet mesmo, sendo possível observar o crescimento dos e-commerces, marketplaces e de profissionais que oferecem produtos e serviços diretamente em plataformas online.

Hoje em dia, basta digitar “bobina térmica atacado” e já se deparar com milhares de resultados, empresas, conteúdos. 

A internet tem ganhado cada vez mais espaço, portanto, é preciso aparecer no mundo virtual, através de canais de comunicação e estratégias de marketing digital.

No artigo de hoje, saiba como divulgar sua marca na internet e alcançar sucesso com seu empreendimento. Acompanhe a leitura!

1 – Comece pelo planejamento de marketing digital

Assim como no mundo físico, onde é preciso se planejar para fazer uma divulgação em outdoor, ou qualquer mídia tradicional (jornais, revistas, televisão, rádio), o marketing digital também precisa ser feito com base em um projeto.


Não adianta nada você começar a criar ações de marketing online, como uma divulgação no Facebook de buffet domicílio feijoada, sem uma estratégia direcionada e assertiva. 

Se não houver orientação, corre-se o risco da empresa sair no prejuízo.

Além do mais, o marketing digital não é somente produzir um anúncio nas redes. Ao contrário, é preciso potencializar as ações, com iniciativas engajadas, integração dos canais virtuais e um planejamento prévio, em busca de um objetivo.

Por isso que ações isoladas costumam não ter tanto efeito na divulgação da sua marca. 

É necessário alinhar as metas da empresa, saber o que se deseja alcançar com o marketing digital e verificar os melhores canais para promover a sua empresa.

2 – Conheça o seu público-alvo

Diferentemente do marketing tradicional, onde um anúncio de divisoria de granilite banheiro, por exemplo, é exibido na televisão para um número massivo de pessoas, de forma homogênea, as estratégias online têm um direcionamento. 

Ou seja, elas são veiculadas para um público certo, no momento certo.Por esse motivo, é importante levantar alguns dados a respeito da audiência. Entre as principais informações, destacam-se:

  • Gênero e idade;
  • Nível de escolaridade;
  • Nível socioeconômico;
  • Profissão;
  • Preferências e hobbies.

A partir disso, é possível construir a persona, um personagem semi-fictício do cliente ideal. 

Desse modo, ao propor um anúncio digital sobre tirar a primeira habilitação, por exemplo, o conteúdo será focado em um público específico, orientando a forma de abordagem, a linguagem e muitos outros aspectos.

Existem algumas ferramentas gratuitas na internet, capazes de levantar informações a respeito da audiência, como é o caso do Google Analytics. 

O recurso traz dados detalhados sobre as características do público, ajudando na construção e elaboração de inúmeras campanhas de marketing digital.

3 – Tenha um site da sua empresa

Depois de identificar o público e fazer o planejamento de marketing digital, chegou o momento de colocar algumas estratégias em prática. 

A primeira delas é ter um site institucional da sua empresa, onde os usuários podem encontrar as principais informações do seu negócio, como telefone, endereço, contato de e-mail, etc.

Independentemente do segmento do seu negócio, seja uma loja especializada em decoração balão metalizado, ou um restaurante, ter o próprio site é a presença digital mínima que a sua empresa precisa.

Mesmo para negócios locais, as páginas da web aumentam as chances do seu empreendimento ser encontrado pelas pessoas interessadas. 

Além disso, o site é uma maneira de conseguir autoridade no mercado, pois os clientes têm mais confiança em negócios com páginas próprias.

Vale dizer que para os pequenos negócios ou empreendedores que estão começando agora, o investimento em um site pode ser muito mais vantajoso, pois ele abre possibilidades de comercialização na internet. 

Desse modo, pode-se focar em vendas online, com significativa redução de custos com infraestrutura física.

4 – Esteja presente nas redes sociais

O relatório Digital in 2019, da We are Social e da Hootsuite, observou que 66% dos brasileiros estão ativa nas redes sociais. 

De acordo com o estudo, 89% dos entrevistados usam esses canais com um viés comercial, isto é, para procurar por produtos ou serviços pela internet.

Portanto, estar presente nas redes sociais é investir na captação de leads (potenciais clientes), além de ser uma maneira de fidelizar os consumidores, com a atualização constante das páginas e dos perfis comerciais.

Cada uma dessas plataformas possui uma especificidade. Por exemplo, o Instagram tem foco no visual, por isso, é muito mais interessante usar uma boa foto de uma estrutura metálica cobertura, do que um artigo longo.

Por esse motivo, vale a pena fazer um planejamento de marketing para cada um desses canais, sempre verificando onde a sua persona está. Afinal, de nada adianta ter uma ótima campanha no LinkedIn, se a maioria dos seus clientes usa o Facebook.

Lembre-se também de ter uma constância na atualização dos conteúdos, para deixar os leads nutridos e bem informados, bem como alcançar reconhecimento na internet. 

Até porque os próprios algoritmos das redes sociais são muito efêmeros, daí a necessidade de produzir materiais com frequência.

5 – Elabore planos de marketing de conteúdo e SEO

Na internet, as pessoas não querem ver apenas uma propaganda invasiva sobre um chaveiro automotivo chave codificada

Ao contrário, elas querem saber mais sobre o produto, obter informações relevantes e consumir materiais relevantes, para ajudar a formar um conhecimento sobre aquilo.

Por causa disso, o marketing de conteúdo anda de mãos dadas com as principais estratégias de divulgação online.

De modo simplificado, o marketing de conteúdo nada mais é que a produção de materiais interessantes ao público-alvo, que podem aparecer em diversos formatos, como artigos de blogs, vídeos tutoriais, infográficos, etc.

Apesar de não ser algo restrito à internet, o marketing de conteúdo encontrou um campo muito fértil para se desenvolver, principalmente com os blogs, plataformas muito usadas para as empresas no compartilhamento de conteúdo.

Mais do que informar a respeito de um assunto, a estratégia também é capaz de tornar a sua empresa uma referência no mercado e ajudar na captação de leads. 

Afinal de contas, os usuários tendem a confiar mais nos empreendimentos que transmitem informações verídicas para o público.

Somado a isso, também é possível aplicar o SEO (Search Engine Optimization), ou otimização para os mecanismos de busca, um conjunto de técnicas que ajuda a melhorar a classificação da sua página nos buscadores, como o Google.

Uma das principais metodologias é a aplicação de palavras-chave, como “aço armado ara laje”, na produção de conteúdo. 

Dessa forma, quando um usuário digitar o termo, o seu blog ou site pode aparecer entre os primeiros resultados de pesquisa, o que aumenta o número de visitantes e melhora a conversão de leads.

Além do emprego de palavras-chave, o SEO considera a boa experiência do usuário, a qualidade do conteúdo e a navegabilidade em dispositivos móveis (tablets, celulares e smartphones).

6 – Envie mensagens por e-mail

O e-mail marketing é uma estratégia usada na nutrição de leads e na fidelização de clientes. O método consiste no envio de mensagens personalizadas aos usuários previamente cadastrados na lista de contato, com conteúdos informativos (newsletters e boletins), bem como promoções, ofertas e descontos.

Mesmo com o avanço de múltiplos canais de comunicação online, o e-mail é considerado por 72% dos usuários como o meio mais seguro para troca de mensagens com as empresas. 

Fora isso, mais de 92% das pessoas utilizam o recurso, sendo 61%, diariamente.

Assim como as demais estratégias para divulgar a sua marca na internet, o e-mail marketing também requer um planejamento específicos, fazendo a segmentação dos contatos, personalização das mensagens e automação de envios.

Também é preciso ter atenção ao conteúdo, com foco na experiência dos leitores, já que isso é o principal fator de conversão e de vendas.

Conclusão

O marketing digital cresceu muito nos últimos anos, devido ao crescimento exponencial da internet e os inúmeros avanços tecnológicos no ambiente virtual, que ampliaram os meios de comunicação e de divulgação.

Por esse motivo, estar presente na internet é uma obrigação das marcas que querem obter destaque no mercado e sobreviver aos próximos. 

O novo comportamento do consumidor também exige essa presença, com buscas online cada vez mais frequentes e a preferência pela compra virtual.

Desse modo, vale a pena fazer um planejamento estratégico em marketing digital, aplicando as melhores técnicas de divulgação da marca para captação de leads e fidelização dos clientes.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *