Quarto de Bebê: 5 Dicas Essenciais Para Montá-lo

Quando um filho ou filha finalmente chega em casa é um momento bastante especial, de muita felicidade, mas que exige certos preparativos, como em relação ao quarto do bebê. 

Até porque, durante os primeiros anos os pais/responsáveis passarão uma boa parte do tempo lá. 

Sendo assim, é importante planejar e pensar em tudo com cuidado, detalhadamente, pois esse cômodo precisa ser seguro, confortável e agradável. Continue acompanhando!

1ª Dica: Atenção com o tempo

Se você for fazer algumas mudanças ou uma reforma geral para o quarto do bebê, um dos principais pontos que você deve considerar é o tempo.

Afinal, o bebê não pode chegar em casa com uma reforma em andamento. Uma reforma gera muito pó e sujeira, pode envolver pintura de paredes, troca de pisos… enfim, coisas que não fazem bem para a saúde de bebês recém-nascidos.

Portanto, planeje-se para terminar tudo pelo menos dois meses antes do nascimento do pequeno.

2ª Dica: Disposição no ambiente/móveis

Um quarto de bebê precisa ser arejado, funcional e seguro, sem objetos ou bancos pelo caminho que podem atrapalhar ou até gerar uma queda. 

Opte por móveis que sejam ergonômicos e que possuam certificados de segurança.

E em relação aos móveis, os principais que devem estar no quarto são:

  • Cômoda;
  • Trocador;
  • Poltrona;
  • Baú;
  • Guarda-roupa;
  • Berço (não esqueça de verificar se ele possui o selo do INMETRO).

Ah, e não deixe o berço muito próximo da janela, pois caso contrário, o bebê pode ficar muito exposto, seja ao vento, calor ou frio, que são fatores que podem deixá-lo doente.

3ª Dica: Iluminação

Outro aspecto relevante que você deve levar em consideração ao montar o quarto do bebê é a iluminação. Afinal, ela é responsável por proporcionar ao ambiente: estilo, acolhimento e conforto visual.

Por isso, um projeto luminotécnico é de extrema importância nessa situação. Assim, você saberá, por exemplo, que as luminárias com luzes indiretas são melhores para este cômodo, assim como as lâmpadas dimerizáveis (pois permitem o controle de intensidade da luz).

4ª Dica: Decoração

Em relação a decoração, além do que já foi falado nas últimas dicas, você pode investir, por exemplo, em tons pastéis/delicados/frios nas paredes e móveis, papéis de parede com desenhos, abajures, bichinhos de pelúcia, quadros, almofadas e prateleiras.

5ª Dica: Proteção e segurança

Por fim, instale telas nas janelas para evitar a entrada de mosquitos, pernilongos e outros bichos, proteja todas as tomadas do cômodo e trave todas as gavetas para que a criança não abra com facilidade (quando tiver com mais idade), podendo prender o dedo ou derrubar algo em cima dela, por exemplo.

Agora seguindo todas essas dicas você estará preparado (a) para montar o quarto do seu bebê! E caso tenha algum comentário ou sugestão, conte para a gente abaixo. Obrigado por acompanhar o artigo até aqui, a gente se encontra numa próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *